Dicas para uma boa noite de sono

Em 25.04.2015   Arquivado em Mundo Mãe

https://maeantenada.files.wordpress.com/2015/04/gestante-dormindo-bydivulgacao.jpg?w=300

Eu sei, eu sei… a barriguinha está crescendo, seu bebe está enorme e não para quieto, principalmente quando você deita para dormir e ele deve pensar que chegou a hora do “playground”! Calma, isso passa e você sentirá uma saudades enoooorme disso tudo, mas enquanto você vive essa delícia, vamos a algumas dicas que farão sua noite de sono muito melhor (pelo menos depois que baby parar de mexer e deixar você dormir linda como a gestante da foto! rs):

  • Durma do lado esquerdo: Com o peso do útero, a veia cava fica comprimida causando mal estar e falta de ar, mas basta mudar de posição e esses sintomas desaparecem. Por isso, o lado esquerdo é o mais indicado para dormir pois libera mais oxigênio para o bebê e, consequentemente, para a mãe.
  • Técnicas de relaxamento: para estimular e ajudar o corpo a relaxar, existem algumas técnicas como respiração profunda e relaxamento muscular progressivo. Veja com seu médico qual o mais indicado para você e comece a praticar todos os dias antes de ir para cama.
  • Refeições leves antes de dormir: nada de uma bela lasanha ou churrasco antes de pegar no sono. Já basta o enjoo e azia para atrapalhar a sua noite. Procure refeições leves, chás calmantes (nada de preto ou estimulante), frutas são sempre ótimas opções para satisfazer a saciedade e ter uma noite tranquila.
  • Controle o consumo de água no início da noite: não tomar muita água ou líquido assim que inicia a noite é um auxílio para diminuir as idas ao banheiro na madrugada e ter uma noite de sono sem algum “aperto”.

Ainda não pegou no sono? Se com as dicas acima você ainda fica acordada esperando o sono aparecer ou voltar, não estressa. Levanta, muda de ambiente, leia um livro ou ouça uma música que o sono chega e aí você vai para a cama relaxar.

Os antigos dizem que a mãe muda seus hábitos noturnos ainda gestante para já se preparar com a chegada do baby e seus horários nada regrados. Foi assim com você?

Comentários

comentário